sábado, 16 de outubro de 2010

"Minhas recordações de menina "


Estava sozinha em meu apartamento e agora cada minuto parecia uma eternidade. Os filhos, os netos é que traziam alegria e enchiam a casa de vida, mas eram tão poucas as vezes que agora isso ocorria. Meus pés já não acompanhavam as minhas vontades. Desejava muito ir visitá-los, pegar as crianças para passear ou até para passar uns tempos aqui em casa, mas não tinha mais força para segurá-los.
 

O tempo vai passando para todos e agora ficava horas recordando alguns momentos de minha vida. Estava arrumando umas pequenas peças de roupas e me fez lembrar os tempos de garotinha. Adorava calçar os sapatos da mamãe e andar pela casa me sentindo uma princesa. Era um tal de tac e tac que a mamãe vinha logo falando que os vizinhos iam reclamar do barulho.

Tinha um sapato de festa da mamãe que eu achava lindo. Ele era todo cheio de brilho e o seu salto era bem alto. Gostava de calçar colocando uma meia listrada para ficar mais bonita e para não fazer barulho eu ia brincar de sobe e desce na escada de madeira que tinha na varanda.

Lembro que também pegava os colares e enfeites de cabelo para ficar bem bonita. Abria a caixa de pinturas e lambuzava a cara de pó de arroz, batom e sombras para me sentir a própria estrela de cinema.

Sempre a mamãe quando descobria a bagunça que eu deixava vinha correndo reclamar e mandar eu arrumar porque esparramava tudo para escolher cuidadosamente o que eu ia usar.

Minha mãe ficava muito brava quando resolvia ir ao seu Armário e escolher o seu melhor vestido para me sentir uma senhora artista. Muitas vezes não escapei de umas boas palmadas.

Os tempos passam e hoje as meninas já são incentivadas desde cedo a se enfeitar, a se pintar, usar vestidos de mocinha. Hoje a mamãe vai curtindo e investindo na vaidade de sua filha. A vida é outra e elas não sabem como é bom chegar a minha idade e ter a felicidade de poder recordar desses momentos inocentes onde nos descobrimos, onde queremos crescer e ser uma mulher igual à mamãe.
RSantos



Era para a participação do Projeto Palavras Mil,
mas como sempre só chego com o tempo esgotado  
e com toda razão fico de fora, pois se tem horário
é para se cumprir.

Foto retirada do site 2Photo
Indicada por Carol _ Projeto Palavras Mil
Imagem inicial retirada da NET

2 comentários:

  1. Lindo e tantas verdades nele. Fico pasma com tantos incentivos às cria~lças deixarem de ser crianças. E é tão lindo,tão necessário viver cada fase...beijos,boasorte!chica

    ResponderExcluir
  2. Muito bom! Gostei muito do seu blog. Parabéns!

    ResponderExcluir