sábado, 5 de junho de 2010

"A DOR DO ABANDONO"


Você chega em minha vida como um sonho
enche meu coração de amor e paixão
e nos seus braços me entrego
as suas carícias cheias de sedução.

Vivo um conto de fadas
cheio de magia e encanto
juntos damos risadas
gritando nosso amor a qualquer canto.

Vivo nos seus braços
sentindo o calor de seus beijos
o meu corpo junto ao seu
sem sentir que o dia amanheceu.

Como um furacão fostes embora
Sem dar nenhuma explicação
Que faço eu agora
Com a dor que me vai no coração?

Triste  realidade apareceu
o meu amor você esqueceu
todo o carinho que  dediquei
todo o amor que te dei.

Vivo aos prantos na esperança
como se fosse uma criança
que voltes para minha vida
me curando desta ferida.

Talvez eu tenha uma fraqueza
por  causas realmente perdidas,
e alimente a esperança na certeza
de que um dia, em seus braços, serão realizadas.

Hoje a vida está um vazio sem você
nada tem mais graça
 e só uma coisa me interessa
de estar novamente com você.

Quando terei você novamente?
Quando poderei sentir o calor dos seus beijos?
Esquecer essa dor do abandono em que fiquei
e de quantas vezes supliquei
por você que tanto amei?

Rene Santos
1a. Edição Imagem e Letras
(Imagem retirada da NET)

Nenhum comentário:

Postar um comentário