sábado, 10 de julho de 2010

"A BELEZA DA VIDA"

Até que ponto é válido ou errado olhar a aparência?
Beleza é mais do que aparência . Personalidade e atitude também nos fazem mais bonitos.

Conforme diz o site Vida Simples em tema sobre “A Beleza não é o que você vê” e Rogério Schlegel exemplifica muito bem que a beleza e a aparência não são fundamentais aos olhos de quem as vê. Da boca para fora, Vinicius de Moraes não titubeava: "Beleza é fundamental". Ele próprio, no entanto, tinha barriguinha aparente, fumava até amarelar os dentes e conseguia ser ao mesmo tempo meio careca e descabelado. Nem por isso o poetinha sofreu com falta de pretendentes. Vinicius é um bom exemplo de como são duvidosos os juízos sobre a beleza.
É verdade que nunca a imagem foi tão privilegiada, mas isso não quer dizer que sejamos reféns dos padrões dominantes de beleza. Primeiro, é preciso entender como esses padrões são criados.
Beleza não é só aparência física. Pesquisas mostram que atitudes bacanas e traços positivos de personalidade, como bom humor, fazem com que as pessoas sejam percebidas como mais bonitas. Quem está ao seu redor passa a misturar as qualidades, barrando as fronteiras entre os atributos estéticos e os de personalidade.
O melhor de tudo é que essa beleza expandida, que inclui o número de bons-dias que você dá e outros quesitos, pode ser cultivada. E não estamos falando de cumprir pena na academia de ginástica. O importante é que ressalte o melhor que você tem por dentro e fique melhor por fora. "Você não precisa ser lindo para ser bonito", afirma o cantor Wando, uma autoridade em matéria de beleza interior. Malhar a auto-estima, anabolizar a confiança e esculpir a autenticidade são tratamentos de beleza. Como costuma dizer a publicidade de cosméticos, "todos vão notar". Não há um jeito certo de ser bonito, nem um jeito errado. Cada um encontra sua beleza.


É certo que a área espiritual tem um peso tremendo dentro de qualquer relacionamento, mas a personalidade, o caráter e também o físico têm seu peso de decisão. A ordem de importância é que precisa ser questionada.
Existem casos em que a pessoa é linda, mas não chama tanto a atenção de outras. Ela precisa ser agradável para os olhos de quem a escolhe.
Muitos jovens, nos dias de hoje, se empolgam com a beleza, mas quando casam percebem que a beleza não paga conta, não produz suporte de sustento na hora da tribulação e também não muda o caráter de ninguém.

É preciso ter um coração , acreditar em Deus , ter caráter e, por último, sim, observar a parte física. A ordem da escolha vai refletir, e muito, em um relacionamento feliz.

A questão física é a última a ser analisada, porém, não é indispensável. É claro que esse quesito também tem o seu peso, mas nunca estará à frente da vida espiritual e da personalidade. Muitos jovens ficam hipnotizados por um sorriso bonito, um jogar de cabelos longos, ou curvas e músculos.

A maioria dos seres humanos já sentiu, em algum momento da vida, como se o mundo tivesse repentinamente se tornado totalmente cinzento e sem nenhuma cor.

Esta sensação sempre está relacionada ao nosso estado interior. A noite negra da alma contamina com sua escuridão tudo o que está à nossa volta. A origem de nosso sofrimento vem da negação de um princípio bastante simples: a vida é dor e prazer.

Quando a alegria bate à nossa porta, é fundamental que nos entreguemos com toda a intensidade, sabendo que ela é efêmera como a própria existência. Não deixemos escapar as oportunidades de ser feliz, sejam quais forem os motivos.

Do mesmo modo, quando a dor se apresentar, devemos encará-la de frente, vivenciando-a, porém, com o sentimento interior de que ela também passará, como tudo o mais.


É preciso um esforço consciente para não permitir que o sofrimento nos torne cegos à beleza da vida. Sempre é possível recuperar a alegria de viver, basta que desejemos isto com todo o poder de nossa vontade.

Olhar à nossa volta, buscando encontrar no cotidiano razões que nos encham o coração de alegria, é um exercício que deve ser repetido diariamente, quando o desânimo toma conta de nós.

"A alegria evita mil males e prolonga a vida."
William Shakespeare.

Rene Santos

1º LUGAR
9a.Edição @ forma fisica

Imagens Net e pesquisas em:
Universo da Mulher
Somos Todos Um
Vida Simples

Nenhum comentário:

Postar um comentário